GT Nacional de História Cultural



  

  

  

  

Revista Fenix

Apresentação

Desde a década de 1990, diversos pesquisadores brasileiros começaram a formar, em distintas universidades do país, em torno dos Programas de Pós-Graduação e das ANPUHs regionais, Grupos de Trabalho voltados para a História Cultural.

Estimulados pela Associação Nacional de Historiadores – ANPUH –, que estabelecera normas para a organização dos GTs em escala nacional, esses coletivos dispersos passaram a se articular, fundando, em setembro de 2000, em Porto Alegre, o Grupo de Trabalho Nacional de História Cultural, durante a III Jornada de História Cultural, promovida, na UFRGS, pelo GT de História Cultural da ANPUH/RS.

A proposta de criação de um GT Nacional foi resultado das iniciativas e dos esforços do GT de História Cultural da ANPUH-RS, do GT História e Linguagens da ANPUH-MG e da adesão de colegas da ANPUH-SP. Em julho de 2001, na Assembléia Geral da ANPUH Nacional, ocorrida nas dependências da Universidade Federal Fluminense, em Niterói, durante o XXI Simpósio Nacional de História. A Profª. Drª. Sandra Jatahy Pesavento apresentou a proposta de criação do GT Nacional de História Cultural. Após a aprovação pela ANPUH Nacional, uma vez que todos as exigências legais foram cumpridas, a Profª. Drª. Sandra Jatahy Pesavento foi aclamada, pelos integrantes do GT Nacional de História Cultural da ANPUH, a coordenadora do GT.

A partir de então, o GT Nacional de História Cultural tem se caracterizado por expressiva participação em encontros regionais e simpósios nacionais da ANPUH, pela realização de reuniões administrativas e deliberativas nos Simpósios Nacionais, pela organização de atividades regionais – Jornadas, Simpósios, Encontros –, com vistas a agregar os pesquisadores. Participam dessas iniciativas pesquisadores, professores e acadêmicos que se encontram em diferentes estágios de formação intelectual e profissional junto às universidades brasileiras.

Por decisão dos integrantes do GT Nacional de História Cultural da ANPUH, a professora Sandra Jatahy Pesavento (UFRGS) foi periodicamente reconduzida à coordenação do GT Nacional de História Cultural da ANPUH (2001 – 2003 – 2005). Tal função foi por ela exercida até a data de seu falecimento em 29 de março de 2009. A partir de então, por decisão unânime, o Conselho Científico está sob a coordenação da Profª. Drª. Rosangela Patriota Ramos (UFU). Em decorrência disso, a aludida professora tornou-se a representante do GT Nacional de História Cultural da ANPUH perante Instituições de Ensino/Pesquisa e Agências de Fomento.

Após a realização dos dois primeiros Simpósios (em 2002 na PUCRS e em 2004 na Fundação Casa de Rui Barbosa) o GT Nacional de História Cultural constituiu uma Comissão Científica que, além da Profª. Drª. Sandra Jatahy Pesavento, foi integrada pelo Prof. Dr. Alcides Freire Ramos, pelo Prof. Dr. Antonio Herculano Lopes, pela Profª. Dr. Maria Izilda Santos Matos, pela Profª. Drª. Mônica Pimenta Velloso e pela Profª. Drª. Rosangela Patriota Ramos.

Entretanto, em 2009, com o falecimento da Profª. Drª. Sandra Jatahy Pesavento, a Comissão Científica passou a ter a seguinte composição: Profª. Drª. Rosangela Patriota Ramos (Coordenadora), Prof. Dr. Alcides Freire Ramos, Profª. Drª. Maria Izilda Santos Matos, Prof. Dr. Antonio Herculano Lopes, Profª. Drª. Mônica Pimenta Velloso e Profª. Drª. Nádia Maria Weber Santos.


Grupo de Trabalho Nacional de História Cultural  |  Todos os direitos reservados.